Causas de relações sexuais dolorosas

Relações sexuais dolorosas podem ir de suave a grave, mas dependendo de onde se situam na escala de intensidade, podem certamente tornar as relações sexuais de prazerosas a indesejadas. Dor durante as relações sexuais é chamada de dispareunia em termos médicos, e pode causar problemas na vida íntima de casais, mas pode também afetar a vida da mulher no geral. Por isso é importante entender as possíveis causas de dor nas relações sexuais, o que pode ser feito e como prevenir.

Na maioria dos casos, a dor que a mulher sente durante a penetração é devido a secura vaginal. Este problema pode surgir durante períodos de alterações hormonais, como gravidez, amamentação ou menopausa. Secura pode também ser a causa de dor se um casal não dedicar algum tempo à estimulação, ficando assim a mulher não excitada o suficiente para estimular a lubrificação natural.

Razões para a secura vaginal

A razão para a secura vaginal durante a menopausa, gravidez ou amamentação é a diminuição dos níveis de estrogénio. O estrogénio é uma hormona sexual feminina que tem como função manter as paredes vaginais espessas, elásticas e lubrificadas. Quando os níveis de estrogénio reduzem, o tecido vaginal torna-se mais fino e menos elástico, a lubrificação é consideravelmente reduzida, causando secura e danos no tecido durante a penetração, resultando em dor e inflamação.

Se este é o seu caso, tente utilizar um hidratante vaginal ou um lubrificante que proporcione alívio na secura e permita relações sexuais mais prazerosas e sem dor. A grande diferença entre estes dois tipos de produtos é que os hidratantes são desenvolvidos para utilização diária, proporcionando hidratação contínua que irá manter o seu exercício e gostar de qualquer atividade física sem sentir fricção e desconforto na sua área íntima. Lubrificantes são apenas indicados para aplicar antes de relações sexuais, proporcionando um efeito que dura um curto espaço de tempo.

Outros desconfortos

Se a dor que tem sentido nas relações sexuais está ligada a prurido, ardor e inchaço, acompanhada de corrimento esbranquiçado espesso, poderá ter uma infeção vaginal fúngica (candidíase). A dor pode ocorrer também caso tenha vaginose bacteriana – em ambos os casos, evite ter relações sexuais até a infeção estar sobre controlo e o tecido lesado tenha recuperado. Consulte o seu médico para receber o tratamento apropriado, considerando a utilização de um produto com prébioticos que estimule o crescimento das bactérias saudáveis na sua vagina.

Outras causas que podem fazer com que sinta dor durante as relações sexuais são:

  • Algumas DST’s.
  • Episiotomia ou fissura feita durante o parto natural.
  • Certos problemas médicos como endometriose e doença inflamatória pélvica.
  • Problemas psicológicos como stress, ansiedade, depressão, insegurança da aparência física, medos ou problemas de relacionamento.
  • Ter relações sexuais demasiado cedo após parto natural ou cirurgia na área pélvica.

"Na maioria dos casos, a dor que a mulher sente durante a penetração é devido a secura vaginal. Este problema pode acontecer durante períodos de alterações hormonais, como gravidez, amamentação ou menopausa."